fbpx

Decreto autoriza retorno presencial das aulas em escolas e universidades públicas do Paraná

Decreto autoriza retorno presencial das aulas em escolas e universidades públicas do Paraná

O Paraná autorizou por meio de decreto publicado nesta quinta-feira (21) a retomada das aulas presenciais em instituições estaduais, públicas e privadas, inclusive em entidades conveniadas com o Estado do Paraná,  como em Universidades.

O decreto é assinado pelo governador, Ratinho Júnior, pelo secretário de Saúde, Beto Preto, pelo secretário de Educação, Renato Feder e pelo chefe da Casa Civil, Guto Silva.

“Decreto que efetivamente autoriza o retorno às aulas presenciais no Estado, desde que sejam cumpridas as normas que estão presentes na resolução 632, da Secretaria de Saúde do Estado, diz como devem funcionar organizações.

Escolas e Universidades que cumprirem isso estão autorizadas a retornar.”

A fiscalização será feita pelas instituições sanitárias e o modelo híbrido segue sendo válido aos pais e alunos que preferirem.

A resolução 632/2020 é extensa e prevê, dentre outros aspectos, higiene de mãos, limpeza e desinfecção, comunicação e orientações gerais de prevenção e distanciamento social.

O retorno das aulas está marcado para o dia 18 de Fevereiro, segundo o decreto.

Resolução da Sesa

Pelo decreto, as escolas e universidades terão que seguir uma resolução publicada pela Sesa em maio de 2020, com medidas para enfrentamento da pandemia.

Entre as recomendações da secretaria estão:

  • Distanciamento de dois metros, com implantação de mecanismos que evitem aglomerações;

  • Uso obrigatório de máscara;

  • Proibição de uso de bebedouros que exigem aproximação da boca;

  • Disposição de móveis, como carteiras, deve ser alterada para manter o distanciamento;

  • Utilização de álcool em gel;

  • Espaços de uso público devem ficar arejados;

  • Ambientes devem passar por limpeza e desinfecção constantemente.